Como Investir

em Bitcoin?

 

Se quer saber como investir em Bitcoin mas tem receio ou dúvidas sobre como o fazer, este é o artigo para si.

Um dos grandes motivos pelos quais a Bitcoin tem gerado enorme atenção mediática (e, provavelmente, uma das razões pelas quais está aqui) foi a sua natureza disruptiva, completamente diferente de tudo o que já vimos.

Obviamente, este salto tecnológico de várias décadas oferece uma oportunidade inolvidável ao mercado de investir em Bitcoin.

Se inventasse algo que fizesse progredir o mundo, como inventar o telefone ou a internet, saberia, sem dúvida, que poderia lucrar muitíssimo com estas invenções, pois foram invenções que mudaram o mundo.

No entanto, é importante saber onde começar. Por isso, junte-se a nós e saiba como investir em Bitcoin em 5 minutos!

QUER COMEÇAR JÁ?

Guia Como Investir em Bitcoin

1. Onde estamos?

Uma indústria que começou do nada, vale hoje biliões e amanhã poderá valer triliões.

Com a Bitcoin, chegou na altura certa. A tecnologia ainda se encontra na fase de ‘early adoption’, ou seja, pode-se dizer que ainda estamos nas etapas iniciais de desenvolvimento desta tecnologia.

Como Investir em Bitcoin

Isto traz consigo uma enorme oportunidade de Investimento Manual ou Investimento Automático, mas acarreta alguns riscos. Como desenvolvemos no artigo sobre os riscos da Bitcoin, é bastante provável que conte com bastante volatilidade até o mercado entrar em adopção generalizada pela população. Há a possibilidade da Bitcoin não ser a criptomoeda dominante. Mas também há a enorme probabilidade de gerar muito lucro.

Sendo dos primeiros a entrar, acarreta todos estes riscos, mas ainda antes de todos saberem o que é, você já lá está. Quem comprou a Bitcoin ao início, por exemplo, comprando aos 100$, passou por grandes riscos. Mas quem se manteve ao longo do tempo obteve a sua recompensa: atualmente, a Bitcoin atingiu um máximo de 20.000$. Isto significa que conseguiu gerar 200 vezes o seu investimento inicial.

Como Investir em Bitcoin

Por outras palavras, se tivesse investido 100$, teria ficado com 20.000$. Se tivesse investido 1.000$, teria ficado com 200.000$. Se tivesse investido 10.000$, teria ficado com 2.000.000$. O preço? Ter entrado cedo, e ter sofrido com alta volatilidade e notícias positivas e negativas todos os dias.

“Mas esse tipo de ganhos era só para quem entrasse logo ao início. Agora, já não é assim.” Será?

Como Investir em Bitcoin

Por outras palavras, se tivesse feito nada mais do que comprar estas moedas há 1 ano e mantê-las no seu portfólio, teria tido, em média, um retorno de 15 vezes o que tinha investido originalmente. Por outras palavras, um retorno de 1500%. Para termos comparação:

Como Investir em Bitcoin

Como tal, coloca-se aqui uma ideia importante: sim, as criptomoedas têm um risco muito mais elevado do que os elementos normais de investimento, como títulos do tesouro ou até o mercado de ações. Mas também têm um altíssimo rendimento.

Guia Como Investir em Bitcoin

2. Quanto investir?

Esta é a pergunta do milhão de dólares – e não tem uma resposta certa. Tudo depende de si e de quanto está disposto a investir, e quanto PODE investir.

Não somos a favor de investir todo o dinheiro que tem em criptomoedas – muito pelo contrário. Não somos fãs de esquemas de ficar rico numa semana ou num mês – tais abordagens são receitas para o desastre financeiro e ruína de qualquer um. Nunca, mas nunca, invista mais do que pode suportar.

Se está a pensar em investir dinheiro emprestado, não o faça. Se está a pensar em investir 50% de todo o seu rendimento mensal, não o faça. Se está a pensar fazer uma hipoteca para investir em criptomoedas, esqueça.

Se, por outro lado, tem algum dinheiro de parte que não lhe vai dar uso, e nunca lhe vai fazer impressão na eventualidade de o perder, nem lhe vai perturbar a sua vida de nenhuma forma, então aí sim, deverá pensar em investir em criptomoedas.

Não 1% desse valor, não 20% desse valor, não 100% desse valor – o valor que se sentir confortável. Não há aqui uma resposta correcta. No entanto, recomendamos que tenha um portfólio equilibrado, ou seja, um portfólio distribuído por várias fontes de rendimento, como por exemplo ações, títulos de tesouro, índices, ou até mesmo obrigações.

Consoante essa distribuição, escolha uma quantia para investir em criptomoedas – compreendendo que existe risco, sem dúvida, mas também, uma potencial oportunidade de uma vida de cortar vários anos de trabalho no caminho para a sua reforma.

Clique em Investimento Manual, Investimento Automático ou Wallets para obter um guia simples e rápido, passo-a-passo, sobre como dar os seus primeiros passos a nível de investimento.

Guia Como Investir em Bitcoin

3. Tenho medo de investir. Convença-me.

Warren Buffet disse que se não fizer dinheiro enquanto dorme, então irá trabalhar até morrer. Está na altura de iniciar a sua liberdade financeira.

Investir em criptomoedas é arriscado. Nunca invista mais do que aquilo que tem e/ou pode.

A pergunta mais frequente que nos fazem é sempre a mesma: ouvi falar das criptomoedas e dos seus ganhos astronómicos. Isso é verdade? Quero investir, mas tenho dúvidas/receio. E se investir, como investir em Bitcoin?

Primeiro que tudo, os factos.

  1. As criptomoedas têm oscilações de valorização diárias que podem chegar, em média, aos 10 e 20% por dia. Isso pode significar que pode ganhar, mas também perder, 10 a 20% do que investiu num único dia, semana, mês ou ano. Comparado com o ouro, a Bitcoin é, em média, 10 vezes mais volátil que este metal precioso.
  2. Por estarmos nas etapas iniciais desta tecnologia, existe uma enorme oportunidade, mas igualmente um enorme risco.

Por isso, se entrar neste mundo, conheça estes factos primeiro, e aceite-os – é fundamental na arte de saber como investir em Bitcoin.

Se os aceitar, está pronto para a segunda onda de factos. Desta vez, são positivos:

  1. As criptomoedas, por estarem no seu início, representam uma oportunidade de investimento como poderá não existir outra nas nossas vidas. É, literalmente, a definição de ‘oportunidade de uma vida’. Daí ser importante, no ABC da Bitcoin, procurar ensinar como investir em Bitcoin.
  2. As criptomoedas representam uma das indústrias com maior crescimento a nível global, sendo um mercado que se estima que cresça mais de 4 vezes nos próximos 3 anos.
  3. Empresas de grande nível mundial, como a IBM, Bank of America, MasterCard, Dell, Accenture, Microsoft, Qualcomm, Google, Cisco, HP, Huawei, Fujitsu, e até marcas de automóveis como a BMW ou a mega empresa de contabilidade PwC estão a correr para participar no espaço.
  4. Sendo um espaço altamente atractivo, grandes talentos estão a abandonar os colossos mundiais para participarem em projectos no criptomundo. David Marcus, ex-Presidente do PayPal e chefe da divisão do Messenger do Facebook, abandonou a mega empresa para se juntar ao Coinbase; Rob Jesudason, CFO do maior banco da Austrália, abandonou o banco para se juntar à criptomoeda EOS; Eric Piscini, Líder da Blockchain na gigante Deloitte, saíu para se juntar a outro projecto nas criptomoedas; Amber Baldet, uma executiva de topo do monstro mundial J. P. Morgan, abandonou o banco para iniciar o seu próprio projecto; isto, entre muitíssimos outros exemplos. O interesse deve ser grande, para fazer nomes completamente estabelecidos trocarem a sua vida tranquila e pacífica em mega corporações mundiais por projectos novos neste mundo.
  5. Dentro do mundo financeiro, a abertura de mercados de futuros em grandes bolsas Norte-Americanas como a CBOE, o interesse público de duas das maiores bolsas do mundo, a NASDAQ e a NYSE, em abrirem bolsas públicas de classe mundial para jogadores institucionais, e os primeiros passos de grandes bancos mundiais como o HSBC a usar a Blockchain têm provado que este é o próximo grande espaço para se estar.
  6. Apesar de ser um espaço altamente volátil, o retorno anual médio da Bitcoin é de 2.244%, sendo que apenas perdeu 22% do seu valor em 1 dos seus quase 10 anos de existência. Em 2016, os ganhos foram de 155% e em 2017, quase de 600%.
  7. Os retornos de investir neste espaço são expressivos quando comparados com marcas tradicionais. Numa comparação da valorização da Bitcoin e de outras grandes empresas desde a data de introdução da marca Facebook em bolsa, a Bitcoin (212%) venceu claramente a Google (23%), Netflix (73%), Amazon (31%) e o próprio Facebook (27%).
  8. No entanto, o espaço não é só feito de Bitcoin – existem centenas de outros projectos com enorme valor, e que procuram introduzir outras inovações que podem mudar o globo. O Ethereum procura ser o ‘sistema operativo’ que permite a criação de novos programas descentralizados (pense no Ethereum como o Windows dos tempos modernos). A VeChain procura eliminar os problemas encontrados na certificação da originalidade de produtos, procurando reduzir drasticamente os custos mundiais com o tráfico de produtos não originais, que chega a 500.000.000.000$ por anos. A Power Ledger tenta criar um sistema em que todos podemos comprar e vender energia uns dos outros, reduzindo drasticamente os custos com eletricidade. O STEEM é uma tecnologia que procura pagar, com recompensas, todos os criadores de conteúdo originais, tendo já distribuído mais de 40 milhões de dólares a criadores de todo o mundo. De momento, existem 1610 criptomoedas, todas elas com os seus projectos inovadores e equipas que procuram mudar o mundo.
  9. Tendo em conta este último ponto, o mundo das criptomoedas já chegou, no seu auge, a valer mais de 800.000.000.000$, pois é um espaço que concentra tecnologia, inovação, e um potencial de crescimento gritante.
Como Investir em Bitcoin

4. Sim, mas ainda tenho receio.

Se nunca investiu, é natural que tenha receio. A perspectiva de investir num mercado explosivo é interessante, mas e o risco de perder?

Como viu, estamos a falar de um mundo de enorme oportunidade, mas com risco, obviamente. Estamos a falar de um mundo que ainda está no seu início, mas que já demonstra uma vitalidade e oportunidades como não se via há muito tempo. Quem sabe, até possamos traçar paralelismos com o início da Internet.

Compreender este princípio é fundamental para qualquer pessoa que queira compreender como investir em Bitcoin.

Ao início, ninguém conhecia a Amazon, nem o eBay, nem o Google. Os aventureiros que investiram nestas empresas ao início, quando ninguém as conhecia, hoje fizeram enorme fortuna.

Tal como agora com as criptomoedas, enfrentaram imensos riscos, dúvidas e possibilidades de essas empresas não vencerem. Mas reconheceram o potencial, e investiram aquilo que conseguiram.

Se tivesse investido 1.000$ no início da Amazon, a 16 de maio de 1997, hoje teria 926.000$. Se tivesse investido 1.000$ no início da Google, a 20 de Agosto de 2004, hoje teria 20.000$. Se tivesse investido 1.000$ no início do eBay, a 25 de Setembro de 1998, hoje teria 48.000$.

Portanto, vamos fazer um pequeno exercício. Assumindo que tinha investido 1.000$ na Amazon e que precisa de 20.000$ por ano para viver confortavelmente, vamos resumir os seus riscos aqui:

  1. Se tivesse investido 1.000$ na Amazon e esta empresa tivesse falhado, tinha perdido, na pior de todas as hipóteses, 1.000$. Na pior de todas as hipóteses, teria perdido 1 mês do seu salário. Se trabalhar durante 30 anos, isso significa que abdicou de 0,27% de toda a riqueza que alguma vez terá por esta oportunidade.
  2. Agora, imagine que a Amazon venceu. O seu investimento passaria a 926.000$ o que, assumindo que precisa de 20.000$ por ano para todas as suas despesas sem trabalhar, significa que reduziu em 46 anos a idade da sua reforma. Por outras palavras, a sua aposta de 0,27% de tudo o que irá receber na sua vida avançou em 46 anos a sua vida.
  3. Por último, imagine o seguinte: imagine que um amigo seu lhe tinha falado das potencialidades da Amazon, mas nunca se tinha dado ao trabalho de investir. Até achava que a empresa tinha potencialidades, mas não queria investir 1.000$ na Amazon, pois não saberia se ia ter sucesso. Como lidaria consigo se soubesse, hoje, que poderia ter trocado 0,27% de todos os seus ganhos por um avanço de 46 anos na sua vida?

Começámos por dizer que a pergunta mais comum que recebemos é ouvi falar das criptomoedas e dos seus ganhos astronómicos. Isso é verdade? Quero investir, mas tenho dúvidas/receio.

Portanto, e por último, respondendo diretamente à sua questão – ‘Como Investir em Bitcoin?’

  1. A resposta só pode ser dada por si.
  2. Por isso, responda-se a si mesmo: daqui a uns anos, ficaria mais arrependido de ter perdido um dos seus salários mas ter tentado cortar vários anos da sua reforma sem esforço, ou nunca entrar neste investimento, e expor-se ao risco de ter perdido esta incrível oportunidade?

PODE INTERESSAR-LHE:

Quer comprar Bitcoin?
error: Conteúdo Protegido!